terça-feira, 15 de setembro de 2009

Dead Memories

Sentada no escuro, não posso esquecer. Já agora, eu percebo o tempo que jamais terei em mais uma história das amargas pílulas do destino.
Não posso voltar a pensar em vc novamente...
Mas um dia vc me pediu pra te amar, e eu o fiz. Troquei as minhas emoções por um contrato à cumprir.
Amarrei a minha alma dentro de um nó e tive que me submeter. Então quando decidi ir embora e te esquecer, apenas mantive as minhas cicatrizes. O meu outro "eu" está morto e ainda escuto a sua voz dentro da minha cabeça...
Nós nunca estivemos vivos, e nós não nasceremos denovo e eu nunca sobreviverei com memórias mortas no meu coração.
Não adianta dizer que eu não sei de nada. Agora não sei a que lugar pertenço.

2 comentários:

  1. queria ver olhar no meu olho, com olhar sincero,e dizer que me esqueceu...

    ResponderExcluir