terça-feira, 30 de novembro de 2010

Who Am I Living For

Eu posso sentir uma Fenix dentro de mim, enquanto ando sozinha num ritmo diferente... lentamente engolindo o meu medo. Estou pronta para a estrada menos percorrida, vestindo-se de minha batalha culminante. Este teste é a minha própria cruz para carregar, mas vou chegar lá.
Nunca é fácil ser escolhida, nunca é fácil ser chamada. Estou permanente na linha da frente e quando as bombas começam a cair eu posso ver o céu mas eu ainda ouço as chamas chamando o meu nome. Eu posso ver a escrita na parede, eu não posso ignorar essa guerra entre eu e mim. No fim de tudo, por quem é que estou vivendo?
Eu posso sentir esta luz que está dentro de mim, crescendo rapidamente como um raio. Eu sei que uma faísca vai chocar o mundo então eu rezo. "Preciso de sua força para lidar com a pressão, sei que haverá sacrifício mas esse é o preço". 


segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Acordo quase sempre depois das dez, mas hoje o dia parece diferente.Eu estou diferente...Tomo um quarto de cafeína, para poder me livrar do sono e pra começar a minha pulsação e depois pego o meu jeans no chão e  bato a porta. E só a mesma coisa velha de sempre? E por pensar assim isso mostre que você nunca sabe quanto tudo está prestes a mudar.
Como sempre pra mim...Só mais um dia começou como qualquer outro!

domingo, 28 de novembro de 2010

Frequentemente subestimamos o poder de um toque, um sorriso, uma palavra gentil, um ouvido à disposição, um elogio sincero, ou o menor ato de atenção, tudo aquilo que tem potencial para mudar a vida ao nosso redor. Isso acontece tbm com nossos bichos de estimação. Todos os dias eles nos demonstram carinho e afeto sem cobranças nem limites e as vezes por descaso ou por falta de tempo simplesmente ignoramos esse amor puro.

Hoje tive a total prova do sentimento que tenho pelo meu João. Como sua dona, ele achou q poderia voar. Ver o meu amor sentindo dor, foi a pior sensação que eu poderia sentir..Foi a primeira vez que vi um animal chorar .Algumas pessoas me disseram que animais seguem instinto, são todos iguais.Que ingenuidade, que pobreza de espírito, dizer que os animais são máquinas privadas de conhecimento e sentimento, que procedem sempre da mesma maneira, que nada aprendem, nada aperfeiçoam. Eu vi nos olhos do meu João, seu sentimento por mim, foi a coisa mais inacreditável que já me aconteceu. 
Hoje descobri que cada brincadeira, cada pulinho, cada arranhão, cada rolo de papel estilhaçado no chão da sala valeu e vale a pena.

Ver vc feliz me faz feliz! Melhore logo meu amor...

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Sem rumo

Você não precisa se sentir como um desperdício de espaço.Você é original não pode ser substituído.Se você ao menos soubesse o que o futuro lhe aguarda...Depois do furacão vem o arco-íris. Talvez a razão, por que todas as portas se fecharam seja pra você poder abrir uma que te leverá ao rumo perfeito !


Firework

Você já se sentiu como um saco de plástico, voando com o vento, querendo começar de novo. Você alguma vez já se sentiu tão frágil como um castelo de cartas, a um simples sopro de desmoronar.Você alguma vez já se sentiu como se estivesse enterrado a sete palmos ...Você grita, mas parece que ninguém ouve nada. 
Eu sei que há uma chance para mim. Pois eu tenho um brilho que só eu tenho! Vou acender a luz e deixá-la brilhar, ser a dona da noite como o dia da independência, pois eu sou como fogos de artifício, e vou mostrar do que sou capaz.

Dia Importante

"Hj é o seu dia importante. Ainda não sei o que te dar de presente. Pensei hoje antes de dormir em te dar o céu. Mas ele é tão grande que não ia caber numa caixinha, eu até poderia dar um jeito, mas eu ainda não encontrei um bom lugar para por as estrelas."


quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Unwell

O dia todo olhando para o teto, fazendo amizade com as sombras na parede. A noite toda ouvindo vozes me dizendo que eu deveria dormir um pouco, pois amanhã pode ser bom para alguma coisa. Sinto que estou prestes a ter a um ataque nervoso e eu não sei por que, mas eu não estou louca, só estou um pouco indisposta. Eu sei que nesse momento você não pode perceber, mas fique por aí e talvez você veja um outro lado meu.
Eu sei que agora você não dá a mínima, mas logo você vai pensar em mim e como eu costumava ser... eu. Eu estou falando sozinha em publico, driblando os olhares na rua e eu sei que todos estão falando de mim,
eu posso ouvir os sussurros. Isso me faz pensar que deve ter alguma coisa errada, comigo e por causa de todas horas que eu fiquei pensando de alguma forma perdi a cabeça. Bem  acho que hoje eu só não estou muito bem não como eu costumava ser.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Todo mundo precisa de uma inspiração, porque não há garantia de que essa vida é fácil...
Normalmente quando o meu mundo está desmoronando e não há nenhuma luz para quebrar a escuridão..É aí que eu olho para você. E quando eu olho para você eu vejo sinceridade , eu vejo a verdade e como você me ama por quem eu sou. Bem como as estrelas são a inspiração da lua, eu me inspiro em você.


segunda-feira, 22 de novembro de 2010

A diferença entre o céu e o inferno

"Havia um grande monte de arroz, cozido e preparado como alimento, ao redor dele muitos homens, quase a morrer. Não podiam aproximar-se do monte de arroz. Mas possuíam longos palitos de 2 a 3 metros de comprimento.Apanhavam o arroz, mas não conseguiam levá-lo a própria boca, porque, os palitos em suas mãos eram muito longos. Assim, famintos e moribundos, embora juntos, solitários permaneciam, curtindo uma fome eterna, diante de uma fartura inesgotável.Isso era o Inferno. 
Havia outro grande monte de arroz cozido e preparado como alimento. Ao redor dele homens famintos, mas cheios de vitalidade. Não podiam se aproximar do monte de arroz. Possuíam palitos longos de 2 a 3 metros de comprimento. Apanhavam o arroz, mas não conseguiam levá-lo a própria boca, porque os palitos em suas mãos eram muito longos. Mas com seus palitos, em vez de levá-los a própria boca, serviam uns aos outros, e assim matavam sua fome insaciável. Isso era o Céu." (Autor desconhecido)

domingo, 21 de novembro de 2010

2 da manhã e ele me liga... porque eu ainda estou acordada? Você poderia me ajudar a solucionar meu ultimo erro? Eu o amo? É o verão não é exatamente minha estação preferida. Porque você não pode sair dos trilhos... nós somos como carros num cabo e a vida é como uma ampulheta colada na mesa. Pense bem ninguém consegue achar o botão para voltar, então coloque a mão na sua consciência e respire, apenas respire. Há uma luz no final de cada túnel, porque está tão longe aí dentro, como se nunca fosse sair. Esse erros que você cometeu, você vai comete-los de novo, se continuar persistindo.
2 da manhã, e eu ainda acordada escrevendo, se eu puser tudo em um papel, não estará mais dentro de mim ameaçando a vida a qual ela pertence, porque essas palavras são meu diário gritando bem alto e eu sei que você vai usá-las como quiser.

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

1311






"É tão difícil falar e dizer coisas que não podem ser ditas. É tão silencioso. Como traduzir o silêncio do encontro real entre nós dois? Dificílimo contar. Olhei pra você fixamente por instantes. Tais momentos são meu segredo. Houve o que se chama de comunhão perfeita. Eu chamo isto de estado agudo de felicidade."

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Será q eu sou?

"Louco é aquele que permitiu aos seus demônios aparecerem sem censura. O louco é transparente... Em suas expressões, olhares, gestos e palavras. Eles nos dizem coisas tão surpreendentes e profundas que nos causam espanto e medo. Talvez por isso sejam assustadores...Expor a loucura alheia é também expor um pouco de nós.
(Dra Eneida Kascher)

Éeee eu sou SIM!!!
                                                    

Sorriso Secreto - It's for you

Ninguém sabe disso, mas você tem um sorriso secreto. E você usa ele somente para mim.
Então use-o e prove-o e remova este turbilhão de tristeza . Você está  perdendo e entristecendo, mas você pode se salvar da loucura .


Loucos e Santos

"Escolho meus amigos não pela beleza ou outro arquétipo qualquer, mas pela pupila. Tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante. A mim não interessam os bons de espírito nem os maus de hábitos. Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo. Deles não quero resposta, quero meu avesso. Que me tragam dúvidas e angústias e agüentem o que há de pior em mim. Para isso, só sendo louco. Quero os santos, para que não duvidem das diferenças e peçam perdão pelas injustiças. Escolho meus amigos pela alma lavada e pela cara exposta. Não quero só o ombro e o colo, quero também sua maior alegria. Amigo que não ri junto, não sabe sofrer junto. Meus amigos são todos assim: metade bobeira, metade seriedade. Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos. Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem, mas lutam para que a fantasia não desapareça. Não quero amigos adultos nem chatos. Quero-os metade infância e outra metade velhice! Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto; e velhos, para que nunca tenham pressa. Tenho amigos para saber quem eu sou. Pois os vendo loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que "normalidade" é uma ilusão imbecil e estéril."

Autor :Oscar Wilde

sábado, 13 de novembro de 2010

Despedaçada como um espelho quebrado em pedaços. Eu aprendi de uma forma dura como calar a boca e sorrir e talvez se essas paredes pudessem falar, elas teriam tanto a dizer...Porque cada vez que você briga, as cicatrizes vão cicatrizar, mas elas nunca vão desaparecer.


sexta-feira, 12 de novembro de 2010

VERMILION PT2

video


Ela parecia vestida em tudo para mim
Constrangia-se através da minha vergonha
Todo o tormento e toda dor
Vazava por dentro e me cobria
Eu faria qualquer coisa para tê-la para mim
Só para te-la para mim
Eu não sei o que fazer
Eu não sei o que fazer
Quando ela me faz triste
Ela é tudo para mim
Um sonho pertubador
Uma canção que ninguém canta
A incapacidade

Ela é um mito que eu tenho que acreditar
Tudo o que eu preciso para fazer isso real é mais uma razão
Mas eu não sei o que fazer
Eu não sei o que fazer
Quando ela me faz triste
Mas eu não vou deixar isso crescer dentro de mim
Eu não vou deixar isso crescer dentro de mim
Coloco na garganta, sufoco
Rasgo em pedaços, eu não quero, não!
Eu não quero ser isso...
Ela não é real
Eu não posso faze-la real
Ela não é real
Eu não posso faze-la real

The end?

Eu venho tentando te falar algo, mas você nunca entende e eu sinto como se estivéssemos andando em círculos. Você olha pra mim como se eu tivesse me tornado uma estranha na rua ou um esqueleto escondido no seu armário. Eu te vejo perto de mim, mas você continua distante.
Eu já rodei o mundo e  vi muitas coisas ... Eu até posso te dizer para onde eu estou indo, mas não importa o meu rumo e não importa o que eu faça alguma coisa me traz de volta para você.


quinta-feira, 11 de novembro de 2010

A saudade é a memória do coração.

Eu tenho saudades de tudo que marcou a minha vida, Quando vejo retratos, quando sinto cheiros, quando escuto uma voz, quando me lembro do passado, eu sinto saudades... Sinto saudades de amigos que nunca mais vi, de pessoas com quem não mais falei ou cruzei... Sinto saudades da minha infância. Sinto saudades do presente, que não aproveitei de todo, lembrando do passado e apostando no futuro... Sinto saudades do futuro, que se idealizado, provavelmente não será do jeito que eu penso que vai ser... Sinto saudades de quem me deixou e de quem eu deixei, de quem disse que viria e nem apareceu; de quem apareceu correndo, sem me conhecer direito, de quem nunca vou ter a oportunidade de conhecer. Sinto saudades dos que se foram e de quem não me despedi como devia; daqueles que não tiveram como me dizer adeus; de gente que passou na calçada contrária da minha vida e que só enxerguei de vislumbre; de coisas que tive e de outras que não tive mas quis muito ter; de coisas que nem sei que existiram. Sinto saudades de coisas sérias, de coisas hilariantes, de casos, de experiências... Sinto saudades dos livros que li e que me fizeram viajar, dos CDs que ouvi e que me fizeram sonhar, das coisas que vivi e das que deixei passar, sem curtir na totalidade... Quantas vezes tenho vontade de encontrar não sei o que não sei onde, para resgatar alguma coisa que nem sei o que é e nem onde perdi... Vejo o mundo girando e penso que poderia estar sentindo saudades em japonês, em russo, em italiano, em inglês, mas que minha saudade, por eu ter nascido no Brasil, só fala português, embora, lá no fundo, possa ser poliglota... Aliás, dizem que costuma-se usar sempre a língua pátria, instantâneamente, quando estamos desesperados, para contar dinheiro, fazer amor e declarar sentimentos fortes, seja lá em que lugar do mundo estejamos. Eu acredito que um simples "I miss you", ou seja lá como possamos traduzir saudade, em outra língua, nunca terá a mesma força e significado da nossa palavrinha. Talvez não exprima, corretamente, a imensa falta que sentimos de coisas ou pessoas queridas. E é por isso que eu tenho mais saudades... 
Porque encontrei uma palavra para usar todas às vezes em que sinto este aperto no peito, meio nostálgico, meio gostoso, mas que funciona melhor do que um sinal vital quando se quer falar de vida e de sentimentos... Ela é a prova inequívoca de que somos sensíveis, de que amamos muito o que tivemos e lamentamos as coisas boas que perdemos ao longo da nossa existência.

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Uma bonita confusão

Eu tenho tido o melhor de ambos os mundos.E sou um tipo de garota que pode derrubar um homem e  levanta-lo novamente na mesma hora. Sou forte mais tbm sou carente, humilde mas tbm gananciosa. Baseando -se na minha linguagem corporal vc ouvirá meus gritos cursivos .Eu tenho estilo mas sou quieta  e seletiva. No entanto minha mente é um tanto imprudente.Bem eu acho que isso é apenas sugestivo...E isso é só o que a alegria é.
Que bonita confusão é essa? Se eu pudesse ser quem vc gostaria.
Bem,dói um pouco quando o tipo de palavras que você escreve meio que se transformam em facas...E não ligue pros meus nervos, chame de ficção. Descobri que gosto de ficar imersa em suas  contradições, porque nós estamos aqui, aqui nós estamos. Embora você fosse preconceituoso eu amei seus conselhos e suas voltas, elas são rápidas e provavelmente tenho que fazer isso com suas
inseguranças.
Não há nenhuma vergonha em se tornar maluca, dependendo de como você se torna. E eu mais uma vez estou parafraseando esta relação que encenamos. Nós continuamos aqui. É como adivinhar algo quando a única resposta que temos é sim.
E através de palavras atemporais e fotos de valor incalculável, voaremos com pássaros que não são dessa terra e mudaremos. Mas lembre-se que as marés mudam e os corações se desfiguram, mas isso não é preocupação quando nos ferimos juntos.

domingo, 7 de novembro de 2010

I and I

Estou tão cansada de estar aqui, reprimida por todos os meus medos infantis. Se você tiver que ir, eu desejo que você vá logo, porque sua presença ainda permanece aqui e isso não vai me deixar em paz. Essas feridas parecem não querer cicatrizar e essa dor é muito real. Isso é simplesmente muito mais do que o tempo não pode apagar.Quando você chorou eu enxuguei todas as suas lágrimas e quando você gritou eu lutei contra todos os seus medos. Você costumava me cativar pela sua luz ressonante agora eu estou limitada pela vida que você deixou para trás. Seu rosto assombra todos os meus sonhos, que já foram agradáveis, e a sua voz expulsou toda a sanidade em mim. Eu tentei com todas as forças dizer a mim mesma que você não merece , mas embora você ainda esteja comigo ....Eu tenho estado sozinha todo esse tempo.

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

de volta

De todas as coisas que sempre tento dizer, ou penso, palavras que saem falhas, carregadas de sentidos estranhos.Sinto-me sempre tão presa ao imaginar alheio, julgamentos pesados, ousadias covardes.
Tenho escrito em pensamento, deixando lá, guardadinho no canto empoeirado... o que é necessário, não esqueço, o que esqueço, não me dói. Tenho ditado discursos pro meu coração, ele ouve calado, e ás vezes, bem ás vezes, responde com um aquecer o corpo, assentindo.Todas as minhas folhas amarelam guardadas, canetas secando, olhos tão molhados. Palavras não ditas que se acumulam, fogem pelos meus olhares em dias mais cinzas. Hoje elas fizeram greve... senti mesmo falta delas. Restou-me tentar conter as mais rebeldes, presas aqui. Um lamento pequeno diante de uma multidão tão grande de saudades.

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

NOVEMBER RAIN - GUNS N' ROSES

"Quando eu olho nos seus olhos
Eu posso ver um amor reprimido
Mas, querida, quando te abraço
Você não sabe que eu sinto o mesmo?
Pois nada dura para sempre
E ambos sabemos que corações podem mudar
E é difícil carregar uma vela na fria chuva de novembro
Nós estivemos nisso por um longo tempo
Só tentando matar a dor
Pois amantes sempre vêm, e amantes sempre vão
E ninguém realmente tem certeza de quem está se deixando ir hoje
Se nós pudéssemos ganhar o tempo para deixar tudo na linha
Eu poderia descansar minha cabeça
Apenas sabendo que você é minha, toda minha
Portanto, se você quer me amar
Então, querida, não reprima-se
ou eu acabarei caminhando na fria chuva de novembro
Você precisa de um tempo... pra você?
Você precisa de um tempo... sozinha?
Todos precisam de um tempo... para si
Você não sabe que precisa de um tempo... sozinha?
Eu sei que é difícil manter aberto o coração
Quando, até mesmo os amigos parecem te prejudicar
Mas se você pudesse curar um coração partido
Não haveria tempo para te encantar
Às vezes eu preciso de um tempo... pra mim
Às vezes eu preciso de um tempo... sozinho
Todos precisam de um tempo... para si
Você não sabe que precisa de um tempo... sozinha?
Quando seus medos baixarem
E as sombras ainda permanecerem
Eu sei que você pode me amar
Quando não houver ninguém para culpar
Então, deixa pra lá a escuridão
Nós ainda podemos achar um caminho
Pois nada dura para sempre
Nem mesmo a fria chuva de novembro
Você não acha que precisa de alguém?
Você não acha que precisa de alguém?
Todos precisam de alguém
Você não é a única!
Você não é a única!"

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

PROJETO 2011

Eu sou doida,maluca,pirada, alienada,insensata,temerária, estróina, furiosa,alucinada, perturbada,intensa,violenta, absurda,contrária à razão.
Projeto:Ficar louca

UM DIA EU CHEGO LÁ !