sábado, 9 de janeiro de 2016

Coragem

Se eu tivesse coragem eu te contaria que sei de todas as suas manias, seus sonhos, seus planos e também dos seus medos. Te contaria que me pego sorrindo sozinha só porque pensei em você ou porque me lembrei de como você sorri com os olhos.Te contaria que ao menor sinal de preocupação você sempre procura a mesma saída, respirando bem fundo, na tentativa de enxergar um outro mundo, uma nova solução, uma outra saída.De como gosto quando você remexe o seu cabelo com os dedos. Te contaria que já viajamos o mundo dentro do mesmo quarto, caminhamos de mãos dadas, rimos de piadas sem graça, assistimos vários filmes, que fizemos alguns planos impossíveis.
Contaria que eu me apaixono pela mesma pessoa, todos os dias, há vários anos. Eu contaria que me reconheço em você, mas te contaria também que tenho medo de perceber que você não se reconhece em mim... 




 ...  

Não entendo esse seu medo de me dizer o que pensa. Se dê uma chance de viver o sim, o não ou o talvez, mas se dê essa chance. Não dói tanto assim viver a verdade. E se doer, não se preocupe, uma hora passa. Lute por mim. 
O pior você já faz...amar em silêncio é pura covardia. E essa dor, nunca passa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário