terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Time

Fique em silêncio por um instante e ouça o barulho que você não faz. Fique de cabeça baixa por um segundo e sinta falta do azul que se abre todas as manhãs e você, ocupado demais para ver, só nota quando ele já escureceu. Tudo o que eu sei sobre o tempo, é que ele passa. Não importa quão especial seja um instante, quão único seja o minuto, ele nunca acontecerá novamente. É único, irrecuperável e ainda assim nós, os "donos da verdade absoluta", não somos capazes de valorizar cada segundo que escorre pelas nossas mãos sem dizer adeus. E a gente passa a vida inteira buscando pela infinitude de coisas vãs, porque é mais fácil encontrar motivos ou razões na futilidade de ter, quando tudo o que basta é apenas ser. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário