sexta-feira, 26 de abril de 2013

I need release

E então, a gente passa uma noite inteira chorando e percebe que o motivo pra isso nem existe mais. É meio que um vício nessa coisa de sofrer, de embebedar as causas perdidas. E surge uma amnésia alcoólica que faz as músicas depressivas ganharem magicamente mais sentido, e a gente pode criticar os filmes de amor sem peso na consciência. Depois que acordar sentindo aquela ressaca emocional, nem vai se dar conta que bebeu tudo aquilo sozinha, ninguém disse: "vc vai se ferrar na vida" - a gente gosta de inventar cada dor viu?
É que ser feliz assusta.


Nenhum comentário:

Postar um comentário