terça-feira, 31 de março de 2015

Dezessete segundos e já me cansei. Pronta para desconectar e vestindo uma expressão corajosa, tentando não ouvir às vozes na minha mente. Mas está tudo bem, agora, é uma lembrança distante e você sabe que eu deveria abandonar isso, mas alguns sentimentos tem o hábito de persistir, mesmo que você não demonstre. 
Morte cerebral por tédio, sou guiada pela distração, arranhando a superfície da vida, nada acontece na verdade, mas é fácil se manter ocupada. Exaurindo-me de tudo isso e esperando. Simplesmente começa a entristecer-me até que eu procure por um jeito fácil de desistir.


Nenhum comentário:

Postar um comentário