quarta-feira, 6 de abril de 2011

Drive





Às vezes, eu sinto o medo da incerteza me incomodar. E eu não posso evitar me perguntar o quanto eu deixarei o medo assumir o volante e me guiar... pq  ele já me guiou antes, e parece ter uma vaga atração maciça e assustadora. Ultimamente eu tenho começado a achar que eu deveria estar atrás do volante porque desta forma o que quer que o amanhã traga, eu estarei lá pra enfrentar de braços e olhos abertos.
Então  eu decidi renunciar à minha chance de ser mais uma da colméia. Eu escolhi água ao invés de vinho.Decidi assumir o volante da minha vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário